terça-feira, 15 de setembro de 2009

Amar sem distinção

Escrevi o texto abaixo para o editorial da edição de setembro/2009 da Revista A TURMA, mas acredito que o tema serve não só para crianças, mas para todas as pessoas, se alterarmos as situações propostas nos exemplos.


Quem você ama mais? O amigo que o convida para brincar todos os dias ou o amigo que o ajuda a estudar sempre que você precisa?

Para complicar um pouquinho mais: Você ama mais o amigo que nunca aceita o seu convite para brincar (porque está estudando) ou o amigo que só quer brincar quando você precisa estudar?


E o amigo que só quer saber de estudar? Ou o outro que (quase) nunca o chama para brincar? E aquele que não brinca com você, mas sempre o ajuda nos estudos?


Nossos amigos não são todos iguais! Nem você é igual a todos eles... Mas é possível amar sem distinção!
Postar um comentário