quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Celacanto #3 à vista, marujo!


Já encontra-se à venda o terceiro volume de Celacanto, publicação portuguesa para a qual tive a honra de participar com uma história em quadrinhos que escrevi e desenhei. Publicado pela Editora Qual Albatroz, o livro é uma coletânea de contos, desenhos, fotografias, poesias e vários outros gêneros.

Carinhosamente chamado de “ecozine”, designa um fanzine com preocupações ecológicas. A cada edição, prioriza uma espécie animal ameaçada ou protegida de extinção. Enquanto a primeira dedicou-se ao albatroz, e a segunda ao lobo ibérico, a mais recente edição tem o golfinho como tema e reúne o trabalho de cerca de 40 autores.

Interessados podem adquirir o livro na loja virtual da editora. Parte das vendas do livro será revertida a favor da Escola de Mar, uma iniciativa individual e privada que busca proteger uma espécie rara de golfinho, o roaz (Tursiops truncatus), que habita o Sado, um estuário localizado em Portugal. Acredita-se que a população residente de roazes do rio Sado seja a única em Portugal e no mundo.

Além de preservar a espécie, a Escola de Mar preza também o estudo, a investigação, a aprendizagem, a conscientização e a divulgação de conhecimentos sobre o meio marinho e a interface terra/mar. Profissionais de diversas áreas de formação se dedicam à iniciativa em Lisboa: biólogos, professores, historiadores, informáticos, escritores, artistas plásticos, marinheiros e mergulhadores.

Curiosidade:
A história que desenhei para esse volume do Celacanto foi uma das primeiras que finalizei diretamente no computador, depois de escanear as folhas com o desenho somente à lapis. Na época em que desenhei, gostei tanto do resultado que passei a adotar a técnica para vários outros trabalhos que viria fazer mais tarde. Nesta postagem, mostro apenas um pedaço da minha HQ. Para conferir na íntegra, é preciso comprar o livro. Beleza?

Primeira página da HQ

Postar um comentário